Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

From my kitchen, with love

Experimentar, (a)provar e partilhar

From my kitchen, with love

Experimentar, (a)provar e partilhar

Tosta de abacate, ovo e alheira

Incrivelmente fácil e rápida de fazer, esta receita é perfeita para um final de tarde de verão, quando chegamos da praia com aquele apetite que só ela nos provoca mas a vontade de cozinhar é quase nula ;)

 

Ingredientes (2 pessoas)

- 2 ovos

- 1 alheira

- 1 abacate maduro

- 4 fatias de pão

- sal

- tomilho seco ou fresco

 

Faz-se assim:

Numa frigideira, colocar a alheira desfeita em pedaços e ir mexendo até estar cozinhada (eu gosto dela meia estaladiça). Numa taça bater os dois ovos, adicionar uma pitada de sal e uma pitada de tomilho. Verter os ovos na frigideira, juntamente com a alheira e mexer até os ovos estarem cozinhados e bem envolvidos com a alheira. 

No forno, na torradeira, ou como quiserem, torrem 4 fatias de pão, barrem as fatias com o abacate (deve estar maduro o suficiente para conseguirem barrar) e por cima coloquem o ovo e a alheira. Deliciem-se :))

 

Dica: embora partilhe esta receita como prato principal, também fica ótima como entrada/tapa, se se reduzir o tamanho das fatias de pão ou utilzarmos tostas, por exemplo, dá para uma boa quantidade!

 

Wrap de salmão com molho de mel, mostarda e aneto

Adoro wraps, este em especial.

Uma opção rápida e saudável, para levar na marmita para o trabalho ou para a praia :)

Eu costumo utilzar estes ingredientes mas podem variar, conforme os vossos gostos!

Ingredientes:

 - wrap (tortilhas)

 -  1 fatia de salmão fumado

 - alface (2 ou 3 folhas)

 - mozzarela fresca (três ou quatro fatias)

 - couve roxa (a gosto)

Para o molho:

 - 1 colher de chá de mel

 - 2 colheres de chá de mostarda

 - uma pitada aneto

 - 1 fio de azeite

Como é que se faz?

Numa tigela colocar o mel, a mostarda, um fio de azeite (mesmo muito pouco) e o aneto. Misturar tudo muito bem até obter um molho não muito grosso. Nota: eu gosto desta medida, mais mostarda e menos mel, mas provem, e vejam se preferem mais doce, é uma questão de ajustarem 

Colocar a tortilha num prato (só porque dá mais jeito, pelo menos a mim), colocar o molho sobre a tortilha e espalhar de forma uniforme, com uma colher. Colocar as folhas de alface bem escorridas, o salmão fumado e por fim algumas fatias do queijo. Depois é só enrolar e está pronto!

 

Tosta de espinafres e ovo escalfado

Um jantar facilimo, baixo em calorias e rico em nutrientes. Vá, o ovo não está escalfado na perfeição, mas não tem importância nenhuma, o sabor estava lá todo ;)

 

Precisam de:

 - duas fatias de pão de sementes (ou outro, eu usei de sementes)

 - 1 ovo (1 ovo por pessoa)

 - uma chávena de espinafres

 - alho em pó

 - vinagre branco

 - sal 

 - pimenta preta moida

 - azeite

 

E depois?

Depois é só colocarem bastante água num tacho, temperada com vinagre e uma pitada de sal. Quando a água estiver a ferver, mexer com uma colher para que a água forme um remoinho no centro, onde devemos deitar o ovo para ficar perfeito (ou não). O ovo demora entre 3 a 5 miuntos a ficar pronto.

Numa frigideira juntar um pouco de azeite, e saltear os espinafres temperados com alho em pó e pimenta preta. Quando os espinafres estiverem quase prontos, arranjar um espacinho na frigideira para colocar as fatias do pão até ficarem bem tostadinhas, ou apenas quentinhas, consoante o gosto de cada um.

Basta colocar o pão num prato, os espinafres por cima e por fim o ovo :)

Salada de bacalhau, abacate, tomate e pepino

A Primavera teima em chegar (a sério), mas já sabe bem fazer refeições mais leves, como esta salada de bacalhau, tão simples e tão saborosa!

 

 

Ingredientes: (1 pessoa)

 - 1 posta de bacalhau pequena 

 - 1/2 abacate

 - 1/2 pepino

 - 1/2 tomate

 - sumo de meio limão

 - azeite para temperar

 - 1 pitada de sal

 - salsa para polvilhar

 

Preparação super fácil:

Coze-se o bacalhau. Enquanto isso corta-se o pepino, o tomate e o abacate em cubinhos, tempera-se com sumo de limão, azeite e uma pitada de sal. Quando o bacalhau estiver cozido, desfia-se. Se quiserem, coloquem um aro no prato e uma camada de legumes, outra de bacalhau e terminem com os legumes (só para ficar mais bonitinho), polvilhando com um pouco de salsa. Se não se quiserem dar a esse trabalho, coloquem tudo no prato e...bom apetite ;)

 

 

Salada de quinoa e lentilhas em cama de couve e alho francês

Mais uma surpresa dos #22daysnutrition! Isto é bom, mesmo!

Como sempre super fácil de fazer, e muito, muito saboroso :)

 

O que leva?

 - 1 chávena de quinoa

 - 1 chávena de lentilhas

 - 2 talos de alho francês

 - 2 talos de couve

 - 1 colher de sopa de alcaparras

 - pimenta preta

 - alho em pó

 - cominhos

 - azeite

 - sal

 - sumo de meio limão

Como? Fácil...

Coze-se a quinoa em duas chávenas de água e um pitada de sal. Noutro tachinho coze-se as lentilhas em duas chávenas de água, sal, pimenta preta e cominhos. Acrescentar água se necessário, para que fiquem sempre cobertas. 

A quinoa domora cerca de 15/20 minutos a cozer e as lentilhas entre 20 a 30 minutos.

Enquanto isso, corta-se o alho francês em rodelas fininhas e a couve em juliana. Aquece-se uma frigideira com azeite e alho em pó e salteia-se o alho francês e a couve, temperados com uma pitada de sal e pimenta preta. O ideal é deixar saltear até ficarem bem tenros.

Quando a quinoa e as lentilhas estiverem cozidas, coloca-se a cama de alho francês e couve no prato, seguido da quinoa e por fim as lentilhas. Cortam-se as alcaparras em pedaços mais pequenos e salpicam-se por cima das lentilhas. Rega-se tudo com sumo de limão e está prontinho!

 

Salada de lentilhas em cama de couve

Não torçam já o nariz, por favor!!!

Esta é daquelas receitas que se experimentarem fazer uma vez, vão querer repetir certamente. Porquê? Porque é fácil, demora apenas o tempo de cozer as lentilhas (20 miuntos), é saudável e cheia de sabor.

Esta receita é inspirada na receita do Marco Borges, do livro 22 Dias.

Vá lá, deêm uma oportinudade às lentilhas ;)

 

Ingredientes:

 - 4 folhas de couve ou 4 chávenas de espinafres

 - 1 chávena de lentilhas

 - 1/2 pimento vermelho

 - 1 colher de sopa de alcaparras

 - 1 chalota

 - sumo de meio limão

- 1 colher de sopa de vinagre de sidra

- cominhos

- sal marinho

- azeite

- alho em pó

 

É tão fácil como...

Cozer as lentilhas em duas chávenas de água, com uma pitada de sal e cominhos. Enquanto as lentilhas cozem, picar a chalota, cortar o pimento em cubinhos e as alcaparras em pedacinhos mais pequenos. Cortar a cove em juliana grossa e saltear em azeite e alho em pó.
Quando as lentilhas estiverem cozidas, escorrer a água, e numa tigela misturar as lentilhas, a chalota, o pimento e as alcaparras com o sumo de limão e o vinagre. Envolver tudo muito bem, colocar a couve num prato e por cima colocar as lentilhas.
Esta receita serve 2 pessoas. 

 

Beringela no forno com salada de abacate...isto é o céu, garanto-vos!!

Tão fácil que até quem nunca descascou uma batata consegue fazer. Não acreditam?

Super saudável e rápido de preparar, não há mesmo desculpa para não experimentarem ;)

Não vou falar em quantidades, apenas explico os ingredientes que utilizei. Esta receita é inspirada no livro 22 Dias, do Marco Borges, que recomendo, mesmo que não queiram cumprir o desafio, tem receitas ótimas.

Esta receita pode ser utilizada como prato principal vegetariano ou como entrada/tapa.

 

Ingredientes:

 - beringela

 - tomate cereja ou outro tipo de tomate

 - pimento

 - abacate

 - sumo de 1 lima

 - pimenta preta

 - oregãos

 - sal

 - azeite

Como é que a magia acontece?

Descasquem a beringela e cortem em rodelas de cerca de 1cm. Pincelem com azeite, salpiquem com orégãos e sal e levem ao forno, cerca de 15 minutos a 180 graus.

Equanto a beringela está no forno, cortem o tomate, o pimento e o abacate em pequenos cubos. Temperem com o sumo da lima, uma pitada de sal e pimenta preta.

Retirem a beringela do forno e coloquem a salada por cima das rodelas.

Sim, é só isto!!

 

 

 

 

 

 

 

 

Tagliatelle com frango e pesto

Quando penso em "comfort food" penso imediatamente em massas! Seja de que forma for, massa é massa, independentemente do que a acompanhe o resultado final é sempre bom!
Para os que, tal como eu, não passam sem ela, aqui fica uma receita super rápida e fácil, mas também versátil, podendo substituir os ingredientes por outros de que goste mais.
 
Ingredientes: (2 pessoas)
 
 - 2 chávenas de tagliatelle cozida e fria (pode aproveitar alguma que tenha sobrado de outra refeição, por exemplo)
 - 1 ou 2 peitos de frango grelhados e cortados em pedaços (eu prefiro desfiar)
 - 1 bola de queijo mozzarella fresco
 
Para o molho Pesto:
 
 - 60 gr de Rúcula 
 - 25 gr de amendoins
 - 50 gr de queijo parmezão ralado na hora
 - azeite q.b.
 - meio dente de alho
 - 1 gota de mel (opcional, é apenas uma mania minha)
 
Preparação:
 
Em relação à massa: basta colocar a massa no prato, acrescentar o frango desfiado e a bola de mozzarella também cortada em pedaços.
Para o pesto, eu costumo juntar os ingredientes na picadora e esperar que ela faça o resto :) não coloco a quantidade de azeite porque depende do gosto de cada um, sugiro que o vá acrescentando até que o molho esteja ao seu gosto (mais ou menos espesso)
Distrubui-se o molho sobre a massa e está pronto a comer :)
 
Nota: o pesto pode ser feito também com manjericão e pinhões, por exemplo
 
 

Esparguete com legumes, lombo de pescada e amêijoas

Mais uma experiência bem sucedida (para mim pelo menos).
Super fácil de fazer, saudável e deliciosa. Desta vez usei lombos de pescada, mas estou em crer que com salmão também deve ficar fantástico. Experimentem e digam-me o que acharam :)

Ingredientes:  (2 - 3 pessoas)

 - 1 courgete pequena
 - 1 alho francês pequeno
 - 1/2 cebola
 - 3 dentes de alho
 - 1 cenoura pequena
 - 2 lombos de pescada
 - 200 gr de amêijoa (usei amêijoa vietnamita congelada do Lidl)
 - sal q.b.
 - pimenta preta q.b.
 - azeite q.b.
 - 1 pedacinho de gengibre ralado na hora
 - esparguete integral (pode ser normal, eu usei integral)

Preparação:

Cortar a courgete em pedacinhos (eu não costumo retirar a casca), a cenoura também em pedacinhos pequenos ou em lascas (com o descascador), o alho francês às rodelas e a cebola e o alho picados. Numa wook colocar uma pouco de azeite e a mistura dos vegetais, temperar de sal, pimenta e gengibre ralado e deixar saltear durante alguns minutos. Juntam-se os lombos de pescada cortados aos pedaços e quando o preparado estiver quase cozinhado (quando os legumes estiverem moles) juntam-se as amêijoas e deixa-se cozinhar até abrirem.
Quando o preparado estiver pronto basta juntar o esparguete cozido e misturar tudo muito bem. Está pronto a servir!



Nota: cuidado com o sal, as amêijoas têm sempre algum sal, é preferível colocar menos de inicio e rectificar os temperos no final.

Beringela recheada

Ora bem, esta receita pode ser feita com todos os ingredientes e mais alguns...eu usei os que tinha e ficou muito bem, vou partilhá-la convosco, no entanto no que diz respeito às quantidades será tudo muito relativo, depende do tamanho das beringelas, dos ingredientes com que as quiserem rechear, enfim, usem a imaginação e é sucesso garantido ;)


Ingredientes:

 - 1 beringela
 - 1 peito de frango pequeno já cozinhado (pode ser cozido ou grelhado, ou até sobra de frango assado, sem a pele)
 - 1 bocadinho de cebola para refogar
 - 1 dente de alho
 - 1 bocadinho de courgete
 - queijo mozzarella para polvilhar
 - azeite q.b.
 - sal q.b.
 - pimenta q.b.
 - salsa q.b.

Preparação:

Cortar a beringela ao meio e com uma colher retirar a polpa, reserve as "conchas" da beringela para serem recheadas. Na picadora (ou na "bimba" para quem tiver), picar o peito de frango, a cebola, o alho e a polpa da beringela. Colocar um tacho ao lume com um fio de azeite e juntar a mistura anteriormente picada bem como a courgete cortada em cubos pequenos (eu uso sempre com a casca) e temperar com sal e pimenta a gosto, ou outras especiarias de que gostem. Deixar refogar durante cerca de 15 minutos, retirar do lume e rechear as beringelas com o preparado. Polvilhar com queijo mozzarella ralado e salsa picada e levar ao forno a 180º durante cerca de 30 minutos (é conveniente ir espreitando, os fornos não são todos iguais).
 
Sirva com uma salada e arroz branco, ou então simples, foi o que fiz :)
 
Esta receita é muito boa para aproveitar sobras de carne, vegetais ou outros ingredientes de que gostem.

Who?

Cresci entre tachos e panelas. Todas as manhãs era acordada com o cheiro dos doces e salgados que saiam da cozinha da minha mãe...encomendas e mais encomendas! De todas as coisas, só havia uma que eu queria sempre: as empadas de galinha. Não existem no mundo empadas melhores que as da minha mãe. E sim, tenho a receita...mas não, não ficam iguais! Não me imagino uma cozinheira a tempo inteiro, de todo! Mas adoro cozinhar...e adoro comer, claro! Últimamente mais consiente das escolhas que faço em relação aos ingredientes e à forma de os confecionar, tenho descoberto verdadeiras maravilhas, tão simples e tão boas! Espero que vos possa inspirar :)

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Look @